sexta-feira

Dance no vinho meu bem




dance e eu vou mais além
sonhar em mudar
o mundo e
me por aos seus pés

dance comigo meu bem

depois do fim se revele
antes do fim
tapeie a mim
a bailar sorrir no salão
dance comigo então



suplico bem alto amor
passos de semitons
me alcance
voe mil vinhas ao ventre
só mais... nenhum mais...
só valsa envolta em romance

ouça o que digo e dance
vem
dance no vinho meu bem




9 comentários:

Verso Aberto disse...

pisar as uvas há muito foi abandonado, felizmente, claro

mas, como este é um espaço para pequenas bobagens, aqui vai mais uma: que vinho nos surpreenderia caso fosse macerado pelos suaves passos de Fred Astaire?

dance e cante com ele também rsrsrsr

um beijão a todos

Ma Ferreira disse...

Que legal...
Acabei de voltar de punta Del Leste.....tomei vinho todos o dias..ai que delicia!!
Vc me fez lembrar um filme..lindo..sempre me falha a memoria na hora que preciso dela.. acho que era com Keanu Reeves, mas não tenho certeza..
Ele conhece uma moça no onibus de volta para sua casa, ela gravida...e ele se passa como seu noivo.
E acabam se apaixonando..
bom.. acontece um incendio na parreira...
Enfim..rsrs
Mas a cena em que eles amassam as uvas é linda...
Bom findi!!

Verso Aberto disse...

oi Má
há um clima especial nesta cena... remete à interação com a natureza, as coisas se realimentando e se equilibrando, também é trabalho e prazer, festa e beleza

até hoje é algo que atrai as pessoas de muitos lugares e épocas e é por isso que fiz esta brincadeira com o Fred Astaire

ah... o vinho incendeia mesmo rsrsrs

Anônimo disse...

Dançar no vinho... Dançar com o vinho...
Vc é muito sensível, sua poesia é linda!
Fred Astaire: ator e dançarino perfeito! Amo a dança, não vivo sem ela. è minha paixão, minha catarse!
P.S.: Sonho um dia dançar sobre as uvas (rsrsrs)
Bjo!

Dri Aleixo

Verso Aberto disse...

ô Dri, agradeço muito sua distinção em relação a estes versos...

o vinho - na companhia da dança, da música, da poesia, nos permite as mais ricas experiências, como este seu comentário, que acaba de receber um espaço carinhosamente reservado em minha adega rsrsrs

abração

Fouad Talal disse...

Mano,

acabei de voltar de Gramado/RS e tomei uns bons vinhos por lá. Me lembrei de você...

A cidade toda é inebriante, nos faz querer dançar literalmente...

abração!

Verso Aberto disse...

que beleza, Fouad

Gramado é bela e tem um clima contagiante mesmo, merecedora de boas lembranças... e bom vinhos rsrsrs

abs mano

MIRZE disse...

Poeta do vinho e do amor!

Lindo poema. Inebria. Adoro os vinhos franceses, mas ontem tomei um brasileiro chamado "SETE IRMÃOS". No aroma começa o prazer e vai indo até o fim da reunião!

Evoé Mestre!

Beijos

Mirze

Verso Aberto disse...

o vinho é assim
é no "vaindo" que suave chega
rsrsr

é sempre bom ver você aqui
abs Mirze