domingo

Beijo

mãos a cinturar-te
ao suave sim que soares


levemente tangidos
lábios quentes escarlates
língua dentes rangidos


teu corpo tão rente
erguendo calcanhares

Um comentário:

saborcomletras disse...

Pizano, suas palavras são lindas. Inspira os sentidos. Abraços, Adriana.