sexta-feira

Por um sorriso em seu rosto

Holambra, ano passado



mansa vai densa névoa
e por ela
dança o sol em franjas que servem orvalhados prismas
que colorem a rosa em suaves brisas
e brilha
perfumando o ar que entra pela fresta da janela

é... se lembro-me
ondulando os campos você exubera
e me tinha amor

é... se atenho-me
é no balanço do seu vestido floral
na trança da primavera

é... ainda setembro-me



8 comentários:

Adri Aleixo disse...

Coisa mais terna e...eterna.

Beijo, amigo Pizano! É de sua autoria a fotografia?

Verso Aberto disse...

é sim Adriana

tirei no ano passado
é sempre bom ver a vida se originalizar

abração

Daniela Delias disse...

Verbo bonito, esse. "Setembrar".

Tudo tão delicado :)

Bjos, Marcos

Assis Freitas disse...

exubera sim, e alitera e bouleversa,



abração

Verso Aberto disse...

verbo que traduz renovação
reflorescimento
como abrir braços para a primavera

só em Setembro, Daniela

abração procê

Verso Aberto disse...

alma em festa, Assis

hora de abrir a janela
para a primavera

abraços amigo

Lázara papandrea disse...

" e ainda setembro-me" show!!!!

Verso Aberto disse...

obrigado Lázara

setembro prepara o sorriso das flores

abs